Por Dentro Dos Apartamentos Mais Claustrofóbicos do Mundo em Hong Kong

 

Apartamentos Mais Claustrofóbicos do Mundo em Hong Kong

Hong Kong é um extremo da super-densidade que afeta a grande maioria das metrópoles asiáticas e em especial os centros das cidades Chinesas. A falta de espaço urbano obriga a soluções drásticas de habitação como é o caso dos cubículos do bairro de Mong Kok, nas imagens.

Apesar do rendimento per-capita de Hong Kong ser superior ao de países como a Itália e muito próximos do que se verifica no Reino Unido e França, os preços das habitações com standards europeus, são muitas vezes incomportáveis, mesmo para técnicos especializados a trabalhar em grandes multinacionais.

Assim, estima-se que pelo menos 170 mil pessoas vivam nestes apertados espaços de apenas alguns metros quadrados, em Hong Kong.

Fonte: Benny Lam

 

 

 
 
 
 
 

Responder

obrigatório

obrigatório

opcional



  Sim, aceito a Política de Privacidade e dou consentimento para o armazenamento e tratamento, por este website, dos dados submetidos.